sexta-feira, 16 de março de 2018

A sabedoria do deixar ir











 Áudio





Meus amados, vocês, que estão conectados com as novas ondas vibratórias que estão chegando no planeta, estão sendo convidados nesse momento a passar por um momento de profunda purificação.
Agradeçam as transformações.
Compreendam que, se estão ligados a esse momento, estão passando por momentos em que devem fazer escolhas conscientes.
Deixem a vida seguir o seu fluxo.
Não segurem as coisas, não segurem as pessoas, não impeçam a renovação.

É um momento em que coisas novas, pessoas novas, situações novas estão se preparando para vocês.
Então não tenham pressa.
Às vezes as pessoas evitam o desconforto da transformação. Porque toda transformação gera desconforto.
Porém, quando você impede, quando você nega a si mesmo viver o desconforto, igualmente você se nega a viver o novo: outras histórias, outros caminhos, outras pessoas.

É um momento de libertação.
É um momento de livramento para muitas questões cármicas.
É o momento do “deixar ir” inimigos do passado e sentimentos que prendam você a eles.
E isso pode estar trazendo, provocando tribulações na sua casa, na sua família, com pessoas próximas e, principalmente, com você mesmo.

Faça um acordo profundo seu com Deus.
Aceitando aquilo que você vive. E libertando aquilo que você tem que viver.
Quanto mais aberto estiver o seu coração, mais fáceis serão as mudanças.
Quanto mais suave for a sua postura, mais leve aqueles que estão a seu lado irão suportar e compreender.
Não brigue com você, não brigue com a sua vida.

Compreenda também que estas mudanças, transformações e purificações, elas exigem das pessoas um sacrifício.
Mas não é um sacrifício pesado. Se você não o tornar pesado.
O sacrifício pode ser leve, se você simplesmente permitir que as coisas aconteçam.
A sua permissão, o seu sentimento, o seu olhar traz muitas curas.
É o momento em que as almas mais antigas estão descobrindo o verdadeiro poder que existe em cada um.

Olhe para os seus carmas, está sendo um forte momento de resgate familiar.
Olhar para a família, olhar para os pais, olhar para os filhos, olhar para aqueles que fazem parte do seu caminho.
Olhar com amor, olhar com liberdade, olhar com perdão.
Solte as pessoas, solte as histórias.
Você não precisa e não deve querer se apoderar, no sentido de controlar o que você está vivendo.

Almas antigas, vocês estão sendo chamadas para assumir a sua luz!
Almas antigas, vocês estão sendo chamadas para abrir os olhos espirituais!
Almas antigas, há um chamado para o coração.
Observe o seu coração.
Dentro de você, você sabe o que está certo e o que está errado.
Dentro de você, você sabe o que acolhe e o que deixa ir.
Dentro de você, você sabe o que é bom para você e o que não é.
Acalme a mente. Acalme o coração.
Doe muito amor por você, doe muito amor para os seus aprendizados.
Aprendizados necessários para a transformação.

Em sintonia com a energia do Eu Crístico, eu sou Mestra Nada, do Sexto Raio, da Chama Rubi Dourado.

E venho aqui com a proteção e a conexão da amada Mãe Maria e de todas as energias femininas que cuidam desse momento.
Apesar de muitos estarem sofrendo e passando por desafios profundos, aqueles que buscam o contato espiritual estão recebendo nosso apoio.
E saibam que é extremamente importante pedir ajuda.
Quando você está nos seus sofrimentos, nas suas confusões, peçam!
Porque é só assim que nós podemos interferir.
Nós somos mentores, acompanhantes de vocês nos seus caminhos na Terra.
Porém há um voto entre nós, orientadores espirituais, em que só podemos agir quando os nossos filhos pedem.
Quando você não pede ajuda, as coisas correm no tempo em que devem correr.
Quando você pede e pede do coração, você será amparado.
Pode ser que você não receba exatamente aquilo que o seu ego deseja.
Mas o nosso amparo, o nosso alívio, o nosso amor estará presente na sua vida.
A Chama Rubi Dourado, a chama à qual eu pertenço e honro, na energia do Cristo Planetário, ela está vibrando em amor e luz por todos aqueles que sofrem a ação do seu próprio carma.

Amados, não existe sofrimento, não existe situação de dor que não esteja conectada com as suas próprias ações desta e de outras vidas.
Porque não existe vítima e algoz.
Existe a vítima de si mesmo e a colheita das suas próprias atitudes.
E ainda que seja assim, você pode pedir livramentos, cura e interseções, ajuda.
Mas nós não ouvimos as palavras.
Nós sentimos o desejo sincero e a energia do coração.
Quero que todos vocês saibam que estão amparados pelo meu manto e estão sendo profundamente amados e curados neste momento.
Na vibração de Mãe Maria, que espalha por nós as suas rosas e jasmins, oferecendo flores e bênçãos para cada um.
Recebam.

Busquem as curas, busquem a inspiração.
Amar a Deus é, sobretudo, amar o homem.
Servir a Deus é, sobretudo, servir o homem.
Estamos com vocês e atuando através de vocês.
Os nossos braços, as nossas mãos são os seus braços e as suas mãos.
O nosso caminhar no mundo dos homens, no mundo objetivo, é o seu caminhar.
A nossa presença, inteligência e cura se manifestam através da mente de vocês e de pensamentos inspirados e iluminados pelo amor.
Lembrem-se disso.
Somos um só no amor do Cristo.
Recebam minhas bênçãos e minha luz.
Eu sou Maria.
E abençoo vocês na energia do amor e da paz, aqui estamos para curar.
Paz, muita paz!










__________________________________________________________________________
Data: 1403/2018
Canal: Maria Silvia P. Orlovas
Colaboração: Luana e Maria Francisca 


__________________________________________________________________________


Clique aqui e assista a aula especial gratuita.







Nenhum comentário :

Postar um comentário