sexta-feira, 21 de dezembro de 2018

A casa de Deus












 Áudio







Este planeta é uma casa de Deus.
E cada pessoa que aqui vive é uma casa de Deus.
Tudo o que você vê fora de você é um pouco daquilo que você carrega dentro de si mesmo.
Se você vê uma casa de Deus externamente enfeitada com bondade, com amor, com pessoas, com compreensão, com capacidade adequada de interação, assim você é, assim você vibra, assim você está!

O seu olhar interfere em tudo o que está a sua volta.
O seu olhar define o seu caminho, define o seu destino, define as suas escolhas.
Quando você consegue olhar as pessoas com um bom olhar, essa sua casa, a casa de Deus que é você, está formando a sua volta uma boa vizinhança: pessoas amáveis, pessoas queridas, pessoas que sabem respeitar umas às outras.

O respeito é uma energia altamente espiritual e profundamente elevada.
Quando você respeita as pessoas, o espaço das pessoas, o silêncio das pessoas, o bem das pessoas, o mal das pessoas, você está permitindo que aquele ser viva na sua própria casa como ele deve viver.
É muito sábio não interferir na vida alheia.
É muito sábio cuidar da sua própria energia. O que significa você cuidar da beleza, da fortaleza, da elevação, da sua própria casa; da sua vida, do seu corpo, da sua mente, da sua saúde.
Esse é o melhor presente que você pode oferecer à humanidade que está a sua volta.

Quando você está bem, quando você está harmonizado, quando você está bonito - espiritualmente belo -, com bons pensamentos, com a energia em equilíbrio, significa que é isso que você está oferecendo às pessoas.
É assim que você está contribuindo para o bem-estar dos outros.
Quanto mais você cuida de si mesmo, quanto mais você cuida da sua história, do seu caminho, das suas escolhas, das suas palavras, das suas atitudes, mais você está criando harmonia, beleza, tranquilidade em se relacionar com os demais.

Nesse movimento entra o grande exercício do Perdão.
Porque muitas pessoas, no intuito de se adequarem ao mundo, se maltratam; dizem coisas feias para si mesmas, se criticam, se magoam, se menosprezam.
E, com isso, a sua casa fica entristecida, as suas paredes ficam machucadas, e ali todo tipo de dor e sofrimento pode se instalar.

Uma casa ampla, arejada, bonita, feliz, é também uma casa bem tratada.
Trate bem a si mesmo: olhe para você com amor, olhe para si mesmo com entendimento, com bondade, e toda a sua energia será transformada.
Nós estamos mudando o mundo, quando mudamos uma pessoa!
Você está contribuindo para o mundo, quando muda a si mesmo!

Expanda a sua energia! E quando ouvir o chamado espiritual para sua evolução, para sua transformação, não se acomode!
Permita que pessoas novas venham para sua vida, permita que o amor acolha e desafie você novamente.
Permita que novos relacionamentos cheguem até você.
Permita que novas histórias venham como páginas em branco para você escrever.
Façam da sua vida um lugar muito bom, muito bonito, muito tranquilo para se viver.
Aquilo que você oferece ao mundo é o que o mundo trará para você.

Nesse momento, imagine, usando a sua consciência, a sua mente, uma bela casa.
Um lugar lindo, com uma vista especial.
Não economize em beleza, não economize em detalhes.
Veja uma belíssima casa!
Respire o ar dessa casa!

Pode ser que você veja jardins, pode ser que você veja um cômodo interno, pode ser que você veja a paisagem.
Pode ser que seja um lugar que você já tenha visitado.
Pode ser que seja um lugar que você já tenha visto num sonho.
Mas, neste momento, essa casa, esse lugar, é uma representação da sua casa espiritual.
E ali estão os seus mentores, seus orientadores, seres que amam você profundamente, e que cuidam de você com muito amor.
Acolha esses seres num abraço fraterno com extremo respeito e paz.
Esses seres, essa casa que você está se conectando nesse momento estão em você como espíritos guardiões, cuidadores, amparadores.
Acolha a visão, acolha o pensamento, acolha o sentimento, acolha!
Respire, solte o ar!

Em sintonia com a Chama Rosa, na vibração do profundo amor, eu sou Mestra Rowena.

E venho trazer a minha mensagem de paz e de amor para esse momento de final de ano, de Natal, de convivência familiar.
Minha mensagem é muito humilde, singela, simples!
Esteja onde você estiver, com quem você estiver, cuide da sua casa, cuide de quem você é!

A sua força vem do seu interior.
As pessoas que estão a sua volta - familiares e amigos - são seus vizinhos, parceiros, companheiros, amados, colegas, pessoas da sua vida.
Mas a sua casa é um lugar sagrado que pertence a Deus.
E quanto melhor você cuidar da sua casa, do seu corpo, da sua mente, dos seus sentimentos, do seu intelecto, da sua energia, melhor você será para Deus e para tudo o que estiver ao seu entorno!

Cuide de você, e esse cuidado, essa beleza que você oferecerá com as suas flores do seu jardim chegarão aos demais.
Pode acreditar, é assim que nós trabalhamos a mudança da frequência vibratória do Planeta Terra: é através de cada pessoa.
E confiamos plenamente que essa mudança é viável e acontecerá.

Assim é, assim será!
E Deus, nosso amado criador, já está nos mostrando!

Tenham luz e tenham paz!



  
__________________________________________________________________________
Data:19/12/2018
Canal: Maria Silvia P. Orlovas
Colaboração: Francisca Motta


__________________________________________________________________________









segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

As curas precisam de permissão












 Áudio








As curas precisam de permissão.
As cenas precisam de um espectador.
O drama precisa de um sofredor. O riso, de uma criança; a paz, de um espírito pacificador.
Todas as cenas do filme humano da sua encarnação estão a sua mercê.
As cenas não existem sem você.
As situações não perduram sem você.
O certo e o errado, o bom e o mau estão em você.
Você olha e vê o bem.
Você olha e vê o mal.

O mundo é uma projeção do seu bem ou do seu mal, da sua dor ou da sua cura, do seu riso ou das suas lágrimas.
Ao longo de suas vidas, as situações foram se acumulando no seu corpo sutil. As situações foram se acumulando naquilo que vocês conhecem agora como registros akáshicos.
Vida após vida, emoção após emoção, encontro após encontro, tudo registrado sua energia, na sua alma e no seu caminho.

Para você trilhar um caminho novo, um outro jeito de olhar, um outro jeito de sentir, um outro jeito de acessar as suas próprias ideias, deve se manifestar de dentro de você.
Assuma o seu poder espiritual, assuma a sua luz!
E não se sinta mandado, manipulado, governado por nenhuma outra força que não a força da sua luz, a energia de um Deus de Amor que existe em você.

Para as almas que estão despertando agora, é tempo de não mais sofrer pelo amor que você não recebeu de outro.
É tempo de não mais sofrer pela falta de reconhecimento ou abandono.
Assuma o poder sobre você mesmo.
E este poder, meus amados, é acessado através da meditação, da oração profunda e do reconhecimento de que você é Deus, de que existe uma profunda luz dentro de você.
E que de forma consciente você pode esquecer o passado, libertar-se do passado, deixar as coisas e as pessoas caírem no véu do esquecimento.

Grandes civilizações de outrora estão apagadas da memória do homem encarnado.
Vocês não se lembram de como foi a vida no Egito antigo, vocês não se lembram de como foi a sua existência na civilização de Atlântida. Porém, todos vocês já fizeram esse caminho.
Muitos de vocês tiveram vidas nessas civilizações que hoje nem sequer fazem parte da história.
É hora de despertar e de se desprender de tantas dores!

Se todos os dias você se der o tempo da meditação, de olhar para si mesmo e de se ver como um ponto de luz na sua própria vida, você terá energias, forças e sabedoria para lidar com as suas questões.
E aí, sim, problemas se transformarão apenas em questões. E o próximo passo será transformar questões em aprendizado e gratidão.
Quando vocês entenderem a própria vida, o próprio percurso como aprendizado e gratidão, vocês estarão muito próximos da liberdade espiritual e de experimentar o verdadeiro amor de Deus, que é completo e cheio de paz!

Vocês não precisam ter nem sequer a metade das coisas que vocês almejam ter.
Vocês não precisam ser, nem manifestar, a metade das coisas que acreditam ser importantes para a sua felicidade.
Muitas coisas, muitas situações, muitas questões, se apresentam em suas vidas para que vocês experimentem o desapego. Para que vocês experimentem viver com mais simplicidade, com mais tranquilidade, com mais paz.
Quanto menos desejos vocês tiverem, mais feliz, mais leve será a caminhada.

E é isso o que nós ensinamos a vocês: seja um Deus na simplicidade!
Ser Deus não é algo elaborado, difícil de se alcançar.
Ser Deus, acima de tudo, meus amados, é ser simples!
Precisar de muito pouco para viver. E experimentar a abundância espiritual, o amor e a prosperidade em forma de liberdade de ação, de carinho das pessoas, de presenças amorosas, de saúde e bem-estar.

Façam a escolha da simplicidade!
E observem como seus olhos mostrarão a vocês um mundo mais bonito, pessoas mais tranquilas, relações mais afáveis, sorrisos de criança, mãos caridosas, amizades sinceras.
Não precise das coisas, nem das pessoas.
Sejam vocês os agentes manifestadores da paz e do amor!

Eu sou Maria. E abençoo vocês!

Que o meu manto sagrado cubra cada coração desejoso de amor e de paz.
Que cada dor possa ser compreendida como uma palavra do espírito, pedindo paz e transformação.
Que se operem as curas naqueles que estão dispostos a soltar o sofrimento.

O nosso diálogo é o diálogo da Paz, a nossa cura é a abundância de Amor.
Porque quando existe o amor mais profundo, os homens são bons homens, e as mulheres, minhas filhas, filhas da minha energia, amadas do meu coração.

Recebam minhas bençãos e luz e sigam em profundo Amor semeando a Paz!



  
__________________________________________________________________________
Data:12/12/2018
Canal: Maria Silvia P. Orlovas
Colaboração: Francisca Motta


__________________________________________________________________________









sábado, 8 de dezembro de 2018

As curas acontecem com a sua permissão












 Áudio







Meus amados!
No universo da Luz, universo onde vivem os Mestres, tudo requer autorização.
Para que o milagre aconteça, para que uma cura aconteça, é preciso que haja um pedido, uma ordem, uma orientação e um consentimento seu.

Existe uma hierarquia que deve ser respeitada.
Muitos não sabem das conexões sagradas em que se operam os milagres.
Para que o milagre aconteça na cura de alguém, para que uma grande transformação aconteça na vida de uma pessoa, para que alguém receba uma graça, uma libertação, um livramento, uma transformação, muitas vibrações são mexidas.
Muitos degraus espirituais são alcançados através da prece, através da meditação, através da profunda entrega e através de um pedido muito tranquilo, muito pacífico e, ao mesmo tempo, humilde.

Para que aconteça uma graça, é preciso que haja um expectador com o coração aberto, disponível às curas, disponível às transformações. Aberto a receber aquilo que o Divino pode oferecer, sem restrições.
Muitas vezes as pessoas se decepcionam porque acham que suas graças não foram atendidas, porque não houve um anjo para ouvir.
E isso não é real.
Entidades amorosas estão sempre próximas de onde existe uma oração com fé.
O que move montanhas, o que transforma, o que possibilita é o seu diálogo com Deus. Um diálogo que não é feito apenas de pedidos, mas de sentimentos profundos. O diálogo com Deus é feito de profunda entrega.
“Eu aceito a transformação, eu aceito ação do Divino, eu aceito as curas que Deus pode operar nesta situação.
Eu acolho a transformação da minha vida. Eu abro mão dos meus medos e paixões. Eu permito que Deus traga para minha vida o melhor para mim. Eu me abro às graças de Deus.
Eu recebo com amor e eu me doo com amor para a ação de Deus.”

Observe os seus sentimentos nesse momento.
E se você tem um foco, uma questão, uma situação na sua vida que precise ser melhorada, organizada, arrumada, neste momento pense nesta situação.
Mas pense sem dor.
Pense com entrega. E peça que as graças de Deus tomem conta desta situação.
Faça desse momento um momento de entrega.
Não pense nas soluções. Entregue esta situação com paz no seu coração.

E agora pense em você observando essa situação resolvida.
Você em profunda paz, em profunda harmonia, você feliz, você confiante.
Deixe um flash desse momento tomar conta da sua mente.
Pode ser que você se veja num lugar, ou usando uma roupa especial, algo que defina o momento para você.
E aí, tranquilize o seu coração porque essa bênção lhe foi concedida.
Respire profundamente, solte o ar e tenha o sentimento que você já vive nesse momento de paz, nesse momento de expansão, neste momento de abertura.
Você é isso!
Você não apenas está assim, como você é essa luz!
Você é essa pessoa tranquila, harmonizada e feliz!

É assim, meus amados, que opera a lei de Deus.

Você acredita, você solta, você se conecta, você pede, você se transporta para a cura, você recebe a cura e você é a cura!

Esta energia é a energia da Chama Violeta!
É a ativação da Chama Violeta em vários níveis do seu ser e é aí que nós, curadores da Chama Violeta, atuamos.
Esse é o movimento dos Milagres.
Esses são os passos dos Milagres!

A serviço do momento planetário de ascensão e cura, eu sou Mestra Portia.
E, nas orientações e benção do Amado Saint Germain, aqui estou para abraçar vocês, acolher com a minha energia e dizer para vocês que vocês já são iluminados!
Já estão em paz, prósperos, curados e felizes!

Nós do nosso plano de visão e concepção do Homem, nós temos a visão da sua perfeição.
Nós temos a visão de que tudo o que você vive, os desafios e situações que você enfrenta todos os dias, estão servindo ao propósito maior.
E esse propósito maior é a manifestação na Terra do Homem Luz, a manifestação na Terra do Deus em ação.

Nesse momento, estamos atuando com a Chama Violeta, vibrando na mente e no coração de cada um de vocês, carregando os seus pedidos como graças que se oferecem ao Divino.
Eu sou Mestra Portia, e amo vocês! Amo cada um como filho do Amor!



  
__________________________________________________________________________
Data:05/12/2018
Canal: Maria Silvia P. Orlovas
Colaboração: Francisca Motta


__________________________________________________________________________