sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Uma lenda da Califórnia




Cada momento é único. Então por que será que a gente tem essa mania de eternizar as coisas?
Sabe aquele hábito de pensar que a vida é desse jeito e pronto? E de se deixar conduzir pelos fatos, totalmente presos à engrenagem?
Acho que isso não é bom, pois às vezes tomados pelas negatividades, pelo medo, ou pelas incertezas transformamos nossos maiores temores em verdades...
Pois é amigo leitor, mesmo eu, com todo treino no caminho espiritual, meditação, oração etc, vez por outra sou consumida pelas minhas crenças impuras.
Acontece...


Acredito no bem das pessoas, nas coisas boas, acredito também nas minhas boas escolhas. Mas quem não precisa de um impulso, de algo novo, de uma nova visão sobre si mesmo, de um refresco?
Lembra daquela história do copo meio cheio, ou meio vazio?
Pois bem, acredito muito nisso. Que dependendo do nosso estado de espirito vemos as coisas de forma melhor ou pior. Acredito também em proteção espiritual, e mesmo nas horas ruins acho que estamos amparados.
Nesta última viagem passei por momentos bem chatos. Viajei com uma virose, e não foi fácil... Mas viagem marcada, tudo arrumado, como desistir?
Embarquei e pronto. Vim passar mal na Califórnia. Pode?
Ninguém merece, mas aconteceu. (Risos).


Tantas coisas lindas para ver, e eu doente. Claro que entendi: purificação. 
Estava passando por uma limpeza.
2013 foi um ano denso, cheio de historias, desafios vencidos, porém tudo tem um peso, e é carregado de energias. 
Precisava ser limpa. E como fui...
Depois de LA, Monterey, 17 - Mile Drive, San Francisco, chegando em Lake Tahoe me deparei com uma nova vibração. 
Avistando o lindo lago, não dava para não sentir sua placidez.


E inspirada pela espiritualidade comecei pesquisar as lendas e origens do local. E vejam o que meu marido, Fabio, encontrou e traduziu, falando dos nossos amigos índios, e da forma que eles enfrentavam os desafios.
Tudo numa linda sintonia...


A origem de Tahoe, Fallen Leaf e outros lagos

Há muito, muito tempo atrás, antes do homem branco chegar a Nevada, vivia nas pradarias além de Glenbrook um bom índio. Apesar de sua bondade, ele era muito amolado pelo Espírito do Mal, que constantemente interferia em tudo o que ele tentava fazer. Ele afinal decidiu sair dali e ir até os vales da Califórnia. Mas sempre que tentava escapar o Espírito do Mal estava pronto para atrapalhá-lo de uma forma ou de outra. 


Na dificuldade o Espírito do Bem veio ao seu auxílio, dando a ele um galho cheio de folhas que tinha certas qualidades mágicas. Ele estava por iniciar a sua jornada. Se visse o Espírito do Mal, ele deveria jogar um pedaço do galho no chão, de onde imediatamente minaria água. O Espírito do Mal não conseguia passar pela água, e dessa forma, sendo atrasado por ter de contornar o caminho, o índio teria tempo de escapar. 

O índio percorreu seu caminho com tranquilidade até um certo ponto quando, ao olhar para trás, viu o Espírito o Mal ao longe e se aproximando com tal rapidez que seu coração se encheu de muito medo. Aterrorizado, ele tentou arrancar uma folha mas a madeira se quebrou e ele derrubou quase o galho todo no chão. Para a sua surpresa e alivio as águas começaram a subir e logo Tahoe - "Água Grande" - ficou entre ele e o seu inimigo. 

De coração mais leve ele se apressou a subir o cânion, mas quando chegou ao lugar onde fica a ponta do lago Fallen Leaf, ele se virou para ter certeza de que não estava sendo seguido. Ao longe, o Espírito do Mal estava avançando. Novo terror assolou a sua alma. Em suas mãos restaram do galho mágico um pequeno graveto com uma única folha. 

Arrancando a folha, ele a jogou para baixo e a viu flutuando no ar. Conforme tocou o chão as águas novamente começaram a subir e "Doolagoga" - Folha Caída [ do Inglês "Fallen Leaf" ] - surgiu e na sua superfície flutuava a pequena folha, como até hoje futuam as folhas no Outono.

Ele se virou e voltou a correr pela ravina, derrubando pedaços do graveto quando o medo aparecia, e, no seu caminho, os lagos Lily, Grass e Heather apareceram para guardá-lo. 

Finalmente, ele atingiu o cume da montanha e estava a salvo no tão sonhado Vale da Califórnia. 


Tradução livre feita por Fábio Orlovas do texto do site - http://explorion.net/lake-sky-lake-tahoe/chapter-iv-indian-legends-tahoe-region

Lindo não é?
Acho que fica a mensagem: Não desistir.
Vamos na luz, aprendendo desvendar os sinais. Aliás trabalho nesta sintonia, e este ano vou ensinar sobre símbolos, arquétipos, como decifrar sonhos, imagens. É ler o Tarot!
Informe-se no tel (011) 3673.4824 após as 13:30hs

Beijo da MS

15 comentários :

  1. MS, acabei de ler seu post e tenho a dizer : Ha 15 minutos atras briguei com Deus e disse vou desistir, não aguento mais, 4 anos de luta e vejo seu texto finalizando para NAO DESISTIR, espero uma resposta positiva sobre um emprego desde 2a.feira e como até final tarde de hj não obtive resposta , acho que não deu certo e pensei em desistir e deixar a vida me levar. Talvez amanhã esteja melhor e tenha mudado de opinião, espero !!!
    Um grande abraço, Sonia Sanches

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Sonia,

      Ofereço meu carinho e você e desejo tudo de bom.
      Mas vou dizer que já briguei com Deus e não adiantou nada... A vida sempre continua. E cada um de nós tem o seu destino e seus aprendizados.
      Vamos com fé fazer a nossa parte.

      Beijos e tudo de bom,

      MS

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Vanessa Diniz Mendonca10 de janeiro de 2014 15:40

    Lindo texto. Fico aqui pensando nos gravetos mágicos como sendo as nossas oracoes. Quando vem o terror aproximando (na forma de pensamentos, acontecimentos ruins e tantas outras coisas) temos q usar do nosso graveto/oracao para RESISTIR Y NO DESISTIR, JAMÁS...E que os anjos digam Amém! Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vanessa, gostei da tua colocação. Valeu. Obrigada!

      Excluir
    2. Isso mesmo querida Vanessa.
      Muita força e luz.

      MS

      Excluir
  4. Maria Silvia, os últimos 3 anos foram muito difíceis e comecei 2014 cheia de esperanças; para minha surpresa as provações ainda não acabaram e confesso que minhas forças estão chegando ao fim. Ler sua mensagem foi muito reconfortante. Estou buscando meu equilíbrio, calma, esperança e principalmente, manter a fé.Obrigada, obrigada, obrigada! Não acredito em coincidências mas sim, na mão de Deus! Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Marcella,
      Coragem.
      O ano passa, mas as histórias continuam. Por isso muita fé no seu bem.
      Alimente a mente e o coração de coisas boas.
      E vamos na luz.
      MS

      Excluir
  5. Seja bem vinda MS de volta ao Brasil. Lindas as fotos!
    É legal Vc colocar, com toda a sua luz e lindo trabalho espiritual, que também, as vezes, é consumida por suas crenças impuras. Não é fácil pra ninguém, manter elevada a sintonia o tempo todo, né? Até o Mestre Jesus, quando veio a Terra, pediu muito ao Pai, para não cair em tentação. No caso DELE, a sua vibração de luz, conseguia mudar o ambiente. Mas o que acontece comigo, é que me deixo abater pelas energias confusas das pessoas. Sei que tenho que estar presente na luz, mas as emoções impuras, ganham muitas vezes. Acho que o insconsciente coletivo do planeta, se a pessoa não se cuidar, é muito fácil de cair em tentação - raiva, descontrole, tristeza, desânimo. Mesmo as pessoas do bem total, como a MS, são atingidas, imagina se a gente não querer ser melhor, se purificar, elevar a vibração, o que acontece com a gente? Gostei muito MS, vc colocar que transformamos nossos maiores temores em verdades. As nossas emoções e crenças e percepções determinam muito a nossa realidade, né?
    Aprendo muito com vc MS, com o Blog e com os comentários de todos.
    Vamos juntos em 2014, na busca de ser melhor e viver com mais paz.
    Luz e obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Tati,
      Obrigada pelo carinho.
      Com certeza temos que nos cuidar para não nos afundar nas emoções impuras.
      Fazer brilhar a luz do nosso bem.

      Beijos

      MS

      Excluir
  6. Amei o texto.. Me senti andando junto.. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida amiga você esteve sempre comigo no coração.
      Beijos da MS

      Excluir
  7. Querida Thalita,
    Acho que essa história nos mostra que nós sempre temos desafios, mas que os desafios sempre estiveram na vida de cada pessoa....

    Beijos,

    MS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maria Silvia, boa tarde. Procurando por uma leitura interessante cheguei ao seu blog. Maravilhosa caminhada a sua, trazendo palavras que acalentam o coração. Hoje todas as pessoas procuram pela paz... mas muitas vezes elas nem sabem que procuram a Paz de Deus... Linda essa lenda sobre os lagos, para mim, Deus me falou através dela: Não importa qual o seu medo... Eu sou contigo... E o inimigo não tem como se aproximar de você !!!

      Obrigada!!!

      Excluir